5 maneiras de melhorar a comunicação!

Por MedPlus em 10 de dezembro de 2015.

Comunicar-se bem é uma característica muito importante para qualquer um, sobretudo empreendedores e profissionais que trabalham diretamente com pessoas, como os profissionais de saúde.

Saber o que dizer, como dizer e na hora certa de dizer é fundamental não apenas para lidar com pacientes, mas com qualquer tipo de público que possa se relacionar com a clínica ou hospital. Para dialogar de forma adequada não é preciso ser um mestre em oratória, mas conhecer e exercitar alguns hábitos podem melhorar muito a sua capacidade de comunicação. Vamos a elas.

Olho no olho

Desviar o olhar durante uma conversa pode ser interpretado de várias formas, menos como credibilidade. Manter-se focado no interlocutor é muito importante, pois transmite segurança no que se está dizendo.

Momento certo

Um feedback mal transmitido pode não ter o efeito desejado. Aqui entra aquele velho conselho: elogio em público, crítica em particular. E para ambos é sempre bom saber qual é o melhor momento. Além disso é importante organizar os argumentos, e no caso das críticas, é importante também reforçar os pontos positivos.

Sem decoreba

Organizar argumentos não significa decorá-los, e também não é preciso ficar ensaiando o que se pretende falar, pois corre-se o risco de dialogar de forma mecânica. A naturalidade é uma característica dos diálogos eficazes.

Ouça

Dialogar também significa ouvir. Lembre-se de prestar atenção no que o outro tem a dizer, não interrompa e demonstre interesse. Quem muito fala e pouco ouve costuma perder o respeito das outras pessoas, o que é muito perigoso, sobretudo para quem precisa liderar equipes.

Ritmo

Cada assunto exige um tempo, portanto, apressar-se em uma conversa pode demonstrar insegurança. Por mais que o assunto seja espinhoso, procure manter a calma, o tom de voz controlado e busque formas de encontrar o ritmo certo. E lembre-se: nada de rodeios ou pior, mentiras. A jogo limpo é sempre a melhor solução.

MedPlus