Qual a importância do Marketing Digital para médicos?

Vemos a medicina como um dos segmentos mais tradicionais do mercado. E na realidade, ela realmente é. No entanto, ela não deixou de se modernizar para atender as novas demandas de mercado.

Obviamente, a relação entre paciente e médico dentro do consultório continua sendo fundamental para o sucesso nos tratamentos, a cumplicidade e a confiança mútua.

Só que o profissional da saúde precisa ir além e visualizar que da mesma forma que os exames laboratoriais, o equipamentos médicos e até a própria estrutura de atendimento se modernizou, ele também precisa aceitar que estamos em um nova Era.

O marketing médico é uma ferramenta fundamental para quem quer ter sucesso na profissional e para que essas ações sejam executadas com extremo sucesso, o marketing digital torna-se importantíssimo.

A internet é um dos meios de comunicação mais utilizados em todo o mundo, logo será através dela que seus pacientes e futuros pacientes terão o primeiro contato com você, que eles irão conhecer seus produtos e serviços, e até mesmo conhecer melhor sua clínica ou consultório.

Talvez você não tenha noção das dimensões que o marketing digital e as redes sociais tomaram atualmente, mas não basta uma vida inteira de estudos, anos de experiência se o seu público, ou seja, seus pacientes, não sabem quem é você, concorda?

Nós da MedPlus podemos lhe garantir que o investimento em marketing digital para os médicos tem um retorno excelente, não apenas na disseminação da marca, mas também na atração de novos clientes.

É claro que qualquer médico precisa utilizar esses meios sempre respeitando os princípios éticos da profissão e a resolução 1.974/11 do CFM, porém é possível fazer um trabalho bem bacana sem descumprir essas regras.

Provavelmente, a resposta que você quer é a de saber qual a importância do Marketing Digital para médicos, não é mesmo?

Então, nós iremos te dar, mas não apenas uma, mais várias!

Confira com a gente!

 

Afinal, qual a importância do Marketing Digital para médicos?

Certamente, você deve ter essa pergunta sem resposta dentro de você, não é mesmo?

Como que uma profissão tão séria, que demanda sigilo de informação absoluto e que precisa de muita cautela, tem espaço para um trabalho na rede social?

Podemos te garantir que existem várias formas, sempre respeitando a ética da profissão.

Vamos te apresentar alguns exemplos:

 

1 – Ter um site responsivo

Se você tem seu próprio consultório ou clínica, facilmente é possível criar um site para que todas as informações de especialidades, atendimento, localização, corpo clínico e diversas outras informações sejam divulgadas.

O que você precisa entender é que por mais que não seja seguro procurar informações médicas na internet, os usuários o fazem. O próprio Google tem uma pesquisa falando sobre isso…

O que ele diz é que 30% de todas as buscas na web está relacionado com alguma doença ou busca de sintomas. Tanto que eles desenvolveram um formato para mobile com informações desenvolvidas pelos médicos do Hospital Albert Einstein de São Paulo.

Tudo isso para que os usuários possam ter informações mais precisas.

Conseguiu entender que, você querendo ou não, essas buscas vão acontecer? Então, é melhor que você seja uma dessas respostas e chame o usuário para te conhecer pessoalmente.

Crie um site responsivo, aquele que se adapta em qualquer plataforma, seja no tablete, celular ou no computador normal. Dessa forma, todos os usuário irão ter a mesma qualidade de informação.

 

2 – Tenha uma marca moderna

Na internet, tudo é muito visual. Então, você precisa estar com sua logomarca em dia para que os usuários associem a informação a você.

Se você não tem nenhuma, seria bastante interessante criar algo para ser apresentada em seu site e redes sociais. Isso passará a ideia de profissionalismo e qualidade.

Caso você não saiba fazer isso, não tem problema. Procure um profissional que possa lhe auxiliar. Se for necessário fazer todo o material, aproveite para usar a mesma logomarca em sua papelaria do consultório, assim tudo ficará com o mesmo estilo.

 

3 – Gere matérias interessantes

Dentro do seu site, você pode criar um local para discutir determinados assuntos da sua especialidade. Como explicações de cirurgias plásticas, se você por um cirurgião ou o formação de algum câncer, caso seja um oncologista.

Na verdade, não precisa ser nada muito profundo. Entenda que você estará conversando com uma pessoa leiga que, provavelmente, busca informação por estar passando por aquela situação ou então, por ter um pessoa muita próxima com o assunto em questão.

Então, o que você tem que fazer é criar conteúdo que esclareçam dúvidas e que possa informar de alguma forma. Ao final de cada material, você pode deixar seu telefone de contato para que ela marca uma consulta e venha bater um papo pessoalmente.

Ao fazer isso, mesmo que indiretamente, você estará se posicionando como alguém que deseja ajudar e com isso, começará a ganhar a confiança dela.

 

4 – Use as mídias sociais

Atualmente, quem é a pessoa ou profissional que não tem uma conta nas redes sociais? É praticamente impossível, não é mesmo?

E não é porque você é um médico que você não pode ter uma. Na verdade, você pode utilizar todas elas a seu favor.

Conquiste audiência nesse meios através do compartilhamento de conteúdo de qualidade, que irá mostrar para seus seguidores que você é uma referência no assunto.

Através dessas redes, você também pode criar anúncios que ajudam a chamar a atenção de quem faz seu perfil de paciente.

 

As possibilidades são muitas, basta que você encontre o seu formato ideal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *