Por Marketing MedPlus em 18/05/2022
Tempo de leitura: 7 minutos

6 dicas para criar o nome de clínicas de saúde

Passo a passo para montar um consultório de dermatologia | MedPlus

Escolher nome de clínicas de saúde é uma das etapas mais importantes do processo de gestão, principalmente para profissionais de saúde que decidiram empreender e trabalhar de forma autônoma. 

O nome e a marca são as portas de entrada de um consultório ou clínica médica. Muito provavelmente é por meio deles que seus futuros pacientes saberão sobre o seu trabalho pela primeira vez.

Por isso, é fundamental escolher o nome mais adequado para um consultório médico, pois além de ser um cartão de visitas, ele certamente acompanhará a sua carreira por muitos e muitos anos. 

Mas por onde devo começar? É melhor utilizar o meu próprio nome ou criar uma marca nova? Algum profissional pode me ajudar a criar um nome para minha clínica médica?

A gente responde essas dúvidas e te dá outras dicas. Neste texto você vai encontrar:


Qual é o primeiro passo para criar um nome? 

como criar um nome de clínicas de saúde

Se você acompanha o blog do MedPlus já sabe que um consultório médico de sucesso precisa de muito mais do que profissionais capacitados em medicina. A gestão de uma clínica envolve o conhecimento de várias áreas, como administração, contabilidade e tecnologia.

A escolha do nome para a clínica de saúde é uma das primeiras etapas da gestão do marketing e da comunicação, a área que, em linhas gerais, vai determinar qual o seu posicionamento diante do mercado, de que forma e por quais canais você vai conversar com seus pacientes e colaboradores, entre outros tópicos.

O primeiro passo para escolher o melhor nome para sua clínica é responder a seguinte pergunta:

Quem você é?

Sim, você já sabe que é “fulano de tal”, que oferece serviços e atendimento em uma área específica da Medicina, mas a resposta para essa pergunta envolve outros questionamentos, como por exemplo:

  • Qual é o seu propósito?
  • Quais são os seus objetivos?
  • Como você trabalhará no cotidiano para alcançar seus objetivos?


A resposta para essas perguntas vai se transformar na sua “Missão, Visão e Valores”, o tripé que baliza a existência de qualquer empresa ou organização. Caso isso seja uma novidade, a gente te explica:

  • Missão: é a razão de existir de uma organização, a sua finalidade
  • Visão: o que a empresa ou organização almeja se tornar
  • Valores: são os princípios da organização


Você deve ter notado que esses itens são fundamentais não só para a escolha de nomes de clínicas de saúde, como também para as diretrizes de trabalho de consultórios e clínicas médicas. 

Portanto, dedique o tempo necessário para que missão, visão e valores estejam muito bem estabelecidos.

Conheça seu público-alvo

Algo que também deve ser considerado na criação de um nome para o consultório médico é o público-alvo. 

Aliás, conhecer as necessidades, características, idade, grau de instrução, renda, e outras informações sobre as pessoas que você pretende atender é fundamental para toda a sua estratégia de negócio.

Além disso, é importante analisar o mercado onde a clínica está inserida, buscando conhecer a concorrência e quais os nomes, palavras e conceitos mais populares na sua praça. 

Atenção: isso não significa copiar, mas sim perceber quais os termos e tipos de nome são mais associados à clínicas e serviços médicos em sua cidade ou região.

Pratique brainstorming

como fazer um brainstorming

O brainstorming é uma técnica muito prática para estimular o surgimento de novas ideias, e pode ser bastante útil na definição do nome de clínicas. 

Em uma tradução livre, em português a palavra significa “tempestade de ideias”. Para colocar isso em prática, reúna colaboradores ou sócios em torno de uma mesa e tenha à mão caneta e papel.

O objetivo é escrever todas as ideias que forem surgindo de forma aleatória, mesmo que pareçam absurdas ou sem sentido. 

Quanto mais pensamentos forem colocados à mesa, maiores as chances de um bom nome aparecer. Durante o bate-papo, preste atenção no seguinte:


Sem julgamentos: evite fazer críticas ou julgamentos. No processo é importante respeitar tudo o que for proposto para evitar que algum bom insight possa ficar de fora da discussão.

Combine ideias:  o brainstorming pode trazer à tona um nome que pareça perfeito, que esteja alinhado com sua missão, visão, valores, público-alvo e mercado. Porém, o mais comum é que as ideias sejam construídas aos poucos.

Por isso, combine boas possibilidades que podem ser lapidadas até chegar ao resultado que pareça mais adequado.

Um brainstorming também pode ser feito sozinho, mas quanto mais pessoas envolvidas, mais possibilidades criativas podem aparecer. 

Além desta, existe outra técnica que pode ajudar na criação de nomes: o acrônimo, que utiliza a junção de sílabas ou iniciais para formar uma nova palavra. Veja um exemplo:

  • OMS: Organização Mundial da Saúde

O que um bom nome deve transmitir?

Um “bom nome” é aquele que está alinhado com os princípios da clínica e que ilustra de forma precisa a sua identidade.

Como já foi dito até aqui, cada consultório médico terá suas características de acordo com a especialidade de seus profissionais, o mercado e o público-alvo. Mas há duas características que são fundamentais para qualquer estabelecimento de saúde: credibilidade e segurança.

Ao ter contato com uma clínica médica, o paciente precisa se sentir seguro de que estará sendo atendido por profissionais sérios, responsáveis e capacitados. Portanto, se o nome causa a primeira impressão, essas características precisam ser transmitidas.

O que não devo fazer?

A criação do nome de um consultório ou clínica médica envolve várias possibilidades. Utilizar a criatividade, aliada com o que já apontamos neste texto, é um bom caminho que pode levar a criação de uma identidade adequada para cada realidade.

No entanto, é preciso ficar atento há alguns pontos que devem ser evitados. Preste atenção:

Modismos: um negócio na área de medicina é um empreendimento que tem tudo para ser de longo prazo. Por isso, evite apostar em modismos, características que podem perder o sentido com o passar do tempo.

Pronúncia e escrita: um nome estrangeiro pode ser tentador para transmitir a ideia de sofisticação. Mas será que todos vão entender ou pronunciar corretamente uma palavra inspirada em um idioma como o alemão? 

A pronúncia e a escrita do nome do consultório médico precisam ser claras para evitar incompreensões. Isso nos leva a outra pergunta muito comum feita por profissionais que ainda não decidiram como chamarão seu estabelecimento.

Posso utilizar o meu próprio nome?

Posso utilizar o meu próprio nome no nome da minha clinica?

Tendo em vista que um profissional da área da saúde pode atuar de forma autônoma, é natural acreditar que o seu próprio nome é a melhor alternativa para batizar a sua clínica ou consultório médico.

E de fato pode ser, mas antes de tomar essa decisão é preciso refletir sobre alguns pontos.


Compreensão:
como visto no tópico anterior, o nome de um consultório médico precisa ser de fácil compreensão. Um nome ou sobrenome de origem estrangeira, por exemplo, pode ser mais difícil de ser fixado, escrito e pronunciado, o que não ajuda muito já que o objetivo de uma marca é ser lembrada.


Sócios: se a clínica tiver mais de um sócio, um nome genérico pode ser a melhor opção para que a reputação do negócio não fique atrelada a apenas um profissional. Aqui também entra a importância de se ter a visão do consultório muito bem estabelecida já nos primeiros passos. 

Se sua visão de longo prazo é se tornar a “maior clínica de oftalmologia” de uma determinada região, muito provavelmente a adesão de parceiros será necessária ao longo do tempo, mesmo que um profissional comece sozinho.

Nesse caso, cabe avaliar se o nome ficará atrelado ao profissional fundador ou se um outro nome é mais adequado para os planos da empresa.

Tradição: na área da saúde é comum que filhos sigam a carreira dos pais e deem sequência ao seu legado. Neste caso, adotar o  próprio nome pode ser uma alternativa a ser considerada. 

Que profissionais podem me ajudar?

profissionais para ajudar a abrir uma clinica medica

É possível batizar uma empresa que presta serviços de saúde de forma independente, mas isso vai exigir tempo e recursos. 

Assim como outros aspectos da gestão da clínica podem ser resolvidos por meio de tecnologias, como o software MedPlus, profissionais e empresas especializadas podem contribuir com a criação do nome. São eles:

  • agências de publicidade;
  • profissionais autônomos de marketing;
  • profissionais autônomos de publicidade e propaganda.


Assim como a adesão a softwares de gestão, a contratação de especialistas de outras áreas deve ser encarada como um investimento. Além da criação do nome, profissionais destas áreas também contribuem com a estratégia de comunicação da clínica médica.

É melhor anunciar em jornais? Para quais situações posso contratar outdoors? Será que anunciar no rádio é mais adequado para o meu negócio do que anunciar na internet? Como devo me comunicar com meu público interno?

Profissionais de comunicação e marketing respondem a todas essas perguntas.

Registro de marca

Uma informação muito importante: antes de oficializar o nome do consultório ou clínica médica, verifique a disponibilidade da marca no site do Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI)

Na página é possível verificar se o nome escolhido já pertence a outra pessoa ou instituição ou se é muito parecido com uma marca já utilizada, evitando assim possíveis problemas com a justiça. 

No site do Instituto também há informações sobre como proceder para fazer o registro de sua marca.

Se você quer saber mais sobre gestão de marketing e comunicação, confira nosso eBook, que explica do que se trata o marketing médico, e como ele pode impactar positivamente sua clínica. Acesse:

Marketing

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.