Por Cristopher Ronsani Morais em 23/11/2021
Tempo de leitura: 7 minutos

Novidades e tendências para 2022 na gestão médica

Saiba quais são as maiores novidades e tendências para 2022 na gestão médica. Veja o que mudou e o que continua em alta em relação aos últimos anos.
Novidades e tendências para 2022 na gestão médica | MedPlus

Engana-se quem pensa que as transformações digitais na gestão da área da saúde aconteceram somente por conta da covid-19. 

Antes disso, a internet já era utilizada para aproximar pacientes dos cuidados com a saúde e a tecnologia já lançava tendências e novidades na gestão médica, ano após ano, a fim de automatizar processos e entregar mais resultados.

Porém, com a pandemia, a transformação digital acelerou, principalmente por conta do distanciamento social. Isso tudo levou à adoção de diferentes medidas em grande parte das cidades brasileiras, como a adesão às teleconsultas, a fim de evitar a propagação da doença. 

Mas o que esperar para o ano de 2022? O que muda com a “nova normalidade” que a pandemia do coronavírus trouxe? Quais tendências e novidades vieram para ficar? Para saber tudo isso, continue a leitura: 

Novidades tecnológicas na gestão médica de 2022
As mudanças nos tipos de pacientes 
Tendências de 2022 para o marketing digital na saúde 
Segurança de dados e LGPD em foco na gestão médica

Novidades tecnológicas na gestão médica de 2022

Nos últimos anos, quase metade das novas tecnologias emergentes enumeradas pelo Fórum Econômico Mundial tem relação direta com a saúde, ou irá causar algum impacto significativo. 

Isso envolve profundamente a gestão médica, com o surgimento de tecnologias como prontuários eletrônicos, agendas onlines e plataformas de teleconsultas, que se tornaram essenciais no trabalho de médicos e sua equipe. 

A telemedicina, por exemplo, mostrou-se essencial durante a pandemia e continua importante em clínicas e consultórios médicos, principalmente por oferecer conforto, praticidade e acessibilidade para pacientes que não podem, ou não querem, deslocar-se até os estabelecimentos de saúde.

Tudo isso auxilia na administração de clínicas e consultórios médicos e deixa espaço para o atendimento humanizado, outra grande tendência na saúde.

De fato, com tudo isso, o ideal é realizar uma migração completa do uso de papéis para um sistema online integrado de gestão médica

Dessa forma, tanto a gestão administrativa quanto a financeira ficam alocadas em um só lugar e você conta com funcionalidades que podem transformar totalmente a sua rotina e o atendimento ao paciente.

Entre as principais tendências tecnológicas na gestão médica de 2022 podemos citar:

  • Integração de dados: sistemas de gestão de clínicas médicas, como o MedPlus, oferecem a integração de dados em um só lugar. Isso facilita o trabalho do gestor, pois, em um mesmo software, ele pode contar com prontuários eletrônicos, dados financeiros e outros documentos da clínica.

    Transformar o enorme volume de dados em sua instituição em informações recuperáveis, armazenadas em um sistema em nuvem, é essencial para reduzir custos, melhorar a qualidade do atendimento e otimizar o trabalho na clínica.
  • Gestão anywhere: outro fator importante é a possibilidade de gerir sua clínica ou consultório médico de qualquer lugar, com dispositivos móveis ou no computador. Assim, o médico gestor não precisa estar dentro de seu estabelecimento para gerenciá-lo.

    Dessa maneira, o médico gestor pode focar mais no atendimento médico e realizar sua gestão de maneira tranquila e agradável, dando mais atenção aos pacientes e aumentando a possibilidade de fidelização.
  • Tecnologias para um atendimento personalizado: um atendimento personalizado faz toda a diferença em clínicas e consultórios médicos, principalmente para fidelizar os pacientes.

    Contar com softwares de gestão para clínicas que possuem agenda médica digital permite um maior controle de consultas por meio de mensagens automáticas, como lembretes e confirmações.

Outro ponto importante é realizar o atendimento por meio de redes sociais, como o WhatsApp, para marcar e desmarcar consultas. Isso leva um conforto maior aos seus pacientes que não precisam ir até seu estabelecimento para marcar um horário, ou ainda, gastar minutos em uma ligação.

O uso de smartphones e redes sociais no atendimento dá a oportunidade de realizar mais de um atendimento por vez. 

Além disso, esses aparelhos se tornam uma importante ferramenta de trabalho na área da saúde. Já que podem ser levados a qualquer lugar, permitem pesquisas, tirar fotos para um melhor diagnóstico e ainda acesso a sistemas de gestão médica, como o MedPlus.

Novidades e tendências para 2022 na gestão médica | MedPlus

A tecnologia mostra mais profissionalismo, principalmente em clínicas e consultórios médicos, em que os pacientes entendem que quanto maior for a presença de tecnologia no ambiente, maior é a autoridade e o sucesso nos serviços oferecidos pelos médicos.

As mudanças nos tipos de pacientes 

Outra mudança significativa que ocorre após esses dois anos de pandemia, é a transformação nos perfis dos pacientes. O comportamento digital do paciente, que já era muito presente, vem se tornando cada vez mais forte. 

Eles buscam soluções de saúde que sejam ágeis e eficazes, e fazem essa busca pelo meio digital.

Novidades e tendências para 2022 na gestão médica | MedPlus

A pandemia da covid-19 acelerou a potencialização do comportamento digital pela necessidade do distanciamento social, pela busca de informações preventivas de qualidade e para um maior cuidado com a saúde. Em resumo, a crise impulsionou a evolução tecnológica do paciente.

Agora, clínicas e consultórios médicos precisam estar preparados para receber esses pacientes, colocando-os no centro de todo o processo. Dessa maneira, é necessário entender as dores que eles enfrentam, as necessidades e as expectativas, a fim de lidar com o papel cada vez mais ativo dos pacientes nas consultas.

Dessa maneira, a criação de conteúdos relevantes dentro da área da saúde se tornou uma estratégia de marketing ainda mais valiosa nos tempos atuais, já que permite a distribuição de informações ao mesmo tempo em que mostra que sua clínica é preparada e pode ser a solução que seus possíveis pacientes procuram. 

Sendo assim, os meios digitais se tornam uma forte ferramenta para o acesso à saúde, pois é por meio deles que os pacientes entram em contato com informações em tempo real e ainda têm acesso às suas próprias informações médicas em sistemas, aplicativos ligados a estilo de vida, dietas, atividades físicas etc.

Tendências de 2022 para o marketing digital na saúde 

Os desejos de acesso em tempo real aos serviços de healthcare, como o uso de aplicativos de saúde e bem-estar, levou a uma rápida consumerização no setor da saúde. Sendo assim, o paciente agora tem papel ativo em relação às decisões tomadas com os próprios cuidados. 

Isso forçou todo o processo de atendimento a focar ainda mais na experiência do paciente, o que se tornou prioridade também para o marketing digital na saúde, que apresenta outras fortes tendências na gestão médica de 2022.

Segmentação de pacientes

Há diferentes tipos de pacientes, com suas próprias demandas e etapas com a clínica. Por isso, é essencial realizar a segmentação de pacientes no marketing médico, o que pode ser um processo facilitado por sistemas como o MedPlus.

Dessa maneira, você direciona estratégias mais focadas em cada nicho de pacientes, que podem possuir as mesmas características, como idade, sexo, classe social e localização, ou enfrentam dores semelhantes.

Conteúdo em vídeos nas redes sociais

O uso de vídeos para a criação de conteúdos em redes sociais ganhou destaque nos últimos anos e continua a crescer atualmente, principalmente com o surgimento do TikTok e do IGTV no Instagram.

Novidades e tendências para 2022 na gestão médica | MedPlus

Hoje, os vídeos são o tipo de conteúdo que mais converte e gera engajamento nas redes sociais. Além disso, apresentam várias vantagens, como a facilidade de produção. Com um único smartphone é possível criar, editar e compartilhar seus conteúdos.

Podcast

Uma pesquisa realizada pelo grupo Globo, em parceria com o Ibope, revelou que 57% dos entrevistados começaram a ouvir podcasts na pandemia. Essa maneira de repassar informações coincide muito com o novo perfil de paciente digital.

Eles querem consumir informações com praticidade e sem perda de tempo, algo que o podcast oferece. Ele pode ser ouvido em qualquer lugar e enquanto a pessoa realiza outras atividades. 

Assim, podcasts são uma ótima maneira de compartilhar informações sobre tratamentos, prevenção e muito mais. Porém, é essencial manter o cuidado para distribuir conteúdos verdadeiros e não sensacionalistas, pois isso também pode prejudicar a imagem de sua clínica ou consultório médico.

Avaliações do usuário

O gatilho da “prova social” é um dos mais fortes no marketing digital, principalmente com os novos perfis de pacientes. É analisando a experiência de outras pessoas que ele decidirá se vale a pena ou não consultar em sua clínica. 

Dessa maneira, oferecer um atendimento humanizado e focado na experiência do paciente pode render boas avaliações. Também é importante solicitar essas avaliações e pedir feedbacks constantes sobre no que e como melhorar.

Segurança de dados e LGPD em foco na gestão médica

Por fim, outra tendência para o ano de 2022 é a segurança de dados. O assunto esteve bastante presente em 2020 e 2021, por conta da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), que já entrou em vigor.

Novidades e tendências para 2022 na gestão médica | MedPlus

Para aqueles que ainda não se adaptaram, é essencial realizar essas mudanças o mais rápido possível, para evitar as penalizações, que envolvem a aplicação de multas e até mesmo a suspensão das atividades relacionadas ao tratamento de dados pessoais.

Para evitar que você lide com problemas dessa natureza, que podem causar sérias infrações, vamos a algumas dicas para adequar sua clínica à LGPD:

  • Realize um rastreamento dos dados armazenados pela sua clínica, averiguando o que está em arquivos físicos e arquivos online.
  • Tenha o consentimento dos seus pacientes para armazenar seus dados, seja no formato online ou físico.
  • Revise com cuidado a maneira como os dados de adolescentes e crianças são abordados em seus arquivos.
  • Diminua ao máximo o número de arquivos impressos na sua gestão, para não causar quaisquer confusões.
  • Conte com um sistema de gestão médica seguro e que esteja adequado às diretrizes da LGPD para armazenar os dados da sua clínica e de seus pacientes.

Quer saber mais? Então leia: 6 dicas para preparar a sua clínica para a LGPD

Para entender mais sobre as novidades do futuro da gestão de clínicas e consultórios médicos, acesse nosso eBook completo sobre as tendências que farão a diferença em seu estabelecimento:

Gerente de Produto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.