Saiba como o médico pode combater as fake news na área da saúde

Saiba como o médico pode combater as fake news na área da saúde

Com as redes sociais, recebemos diversas informações diariamente sobre os mais variados assuntos. Entre essas informações estão as fake News na área da saúde, responsáveis por levar notícias falsas para o público e gerar pânico entre as pessoas. Porém, é possível que os médicos utilizem sua credibilidade e seus estudos para combaterem boatos. Acompanhe!

O que são fake news?

Fake news são as “notícias falsas” que se disseminam através das redes sociais e que contém teor sensacionalista a fim de causar medo, preocupação e insegurança nas pessoas. Elas são compartilhadas como se fossem verídicas por aqueles que desconhecem a verdade, sendo capazes de ter um enorme alcance na sociedade.

Na área da saúde as fake news mais comuns envolvem tratamentos alternativos para doenças graves, como o câncer, além de boatos sobre novas doenças perigosas e vacinas que todos deverão tomar, como o caso da febre amarela. Por se tratar de saúde, a população fica com mais insegurança e pânico, de modo que acreditem em qualquer informação a fim de se prevenirem para não correr riscos.

As fake news são capazes de causar pânico e temor em uma sociedade, de forma que os boatos sejam ampliados e espalhados de forma perigosa.

Como o médico pode combater as fake news

Diversas instituições da área da saúde publicam comunicados e mensagens com o objetivo de alertar a população de que determinada notícia não é verdadeira – mas nem sempre todas as pessoas são alcançadas.

É preciso que os médicos também sejam ativos nessa causa e que saibam quais são as principais maneiras de auxiliar no combate das notícias falsas. Existem práticas eficientes que os profissionais da saúde podem realizar ao fazerem uso de sua autoridade no assunto para que a informação verdadeira ganhe destaque. Confira a seguir.

– Os profissionais da saúde estudam diversos assuntos da medicina em geral e suas especialidades durante muitos anos. Então, todo o conhecimento adquirido por eles precisa ser compartilhado com o público comum. Produza um conteúdo para dizer qual é a verdade, fazendo oposição à notícia falsa e apresente os fatos concretos;

– Utilize as redes sociais para informar o seu público sobre as fake news e afirme que não é verdade e que essa informação não deve ser compartilhada por ninguém;

– Faça uso de diferentes canais para conseguir que seu conteúdo informando a verdade seja visto por mais pessoas. Para isso, é recomendável que a clínica tenha perfis em várias redes sociais, como Facebook, Instagram, Twitter e YouTube;

– Peça para que seus colegas da área da saúde ajudem no compartilhamento da informação verdadeira e para que também produzam conteúdos de acordo com suas especialidades a fim de desmentir os boatos existentes;

– Utilize uma linguagem clara e objetiva para que todos possam compreender realmente a mensagem que você, médico, está transmitindo;

– Aproveite para esclarecer as dúvidas que seus pacientes e demais públicos possam ter sobre as fake news que têm ligação com a sua especialização. Por exemplo, se for oncologia, afirme quais são os melhores tratamentos para combater o câncer.

As redes sociais são ferramentas essenciais para esclarecer a verdade em relação às notícias falaciosas e, assim, utilizar a credibilidade do médico para ajudar no combate desta importante questão. Ao produzir um conteúdo didático e com informações úteis, o médico é capaz de auxiliar no combate das fake news e transmitir uma mensagem que será capaz de acalmar seu público.

Você utiliza alguma ferramenta para desmentir boatos para o seu público? Conte a sua experiência para nós nos comentários!

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deseja saber mais sobre as nossas soluções? Clique aqui e solicite contato de um de nossos consultores.