16 ferramentas de marketing digital para sua clínica médica

Hoje o marketing digital é essencial para o sucesso na gestão de clínicas e consultórios médicos. Descubra ferramentas que podem te ajudar com isso.

Por Suellen Bosse em 28 de janeiro de 2021.

O marketing digital tem um importante valor para as clínicas médicas, pois é graças a ele que seu trabalho se torna conhecido pelo público e seus serviços desejados. 

Mas para fazer isso da forma mais profissional possível, é interessante contar com boas ferramentas para te ajudar a planejar e executar campanhas de marketing médico a favor da sua clínica.

Atualmente existem várias ferramentas – gratuitas e pagas – que auxiliam no desempenho das estratégias de marketing, entregando resultados sólidos de engajamento.

Continue acompanhando este artigo para conhecer 16 ferramentas que vão te ajudar muito a fazer o marketing médico da sua clínica. Confira!

1. Redes sociais
2. RD Station Marketing
3. Google Ads
4. Google Analytics
5. Canva
6. Google Keyword Planner
7. WordPress
8. Wix
9. Hotjar
10. CloudFlare
11. Sweet Process
12. Ubbersuggest
13. Flipsnack
14. MailChimp
15. Leadlovers
16. Marketing médico MedPlus
Outras possibilidades para o marketing médico

1. Redes sociais (gratuitas)

As redes sociais são fundamentais para o sucesso das estratégias de marketing digital da clínica, já que elas auxiliam a fortalecer sua presença online. As redes mais utilizadas são Facebook, Instagram, Twitter e, mais recentemente, o TikTok.

As estratégias para essas ferramentas devem ser estruturadas de acordo com as características de cada uma delas, como o número de palavras permitidas por postagem, tamanho e formato da imagem, entre outros. Por isso, é essencial que os profissionais da clínica avaliem esses detalhes.

Além disso, implementar técnicas de marketing de conteúdo nas redes sociais é uma maneira de conquistar pacientes. Isso é feito principalmente por meio de publicações que apresentem informações relevantes para o seu público e o estimulem a entrar em contato com a clínica.

2. RD Station Marketing (pago)

O RD Station Marketing reúne diversas funcionalidades, como gerenciamento de mídias sociais, recursos para melhorar o posicionamento das suas páginas nas buscas do Google, disparo automático de e-mails, criação de páginas para atrair novos pacientes, entre outros. 

Essa ferramenta auxilia a sua clínica a automatizar as estratégias de marketing digital, possibilitando um melhor desempenho, mais tráfego para seu site e o contato com novos pacientes.

O Google Ads é a ferramenta de anúncios do Google. Com ela, os anúncios da sua clínica serão vistos em banners de sites e blogs, e até em vídeos do YouTube. Você também pode patrocinar o seu site para que ele suba no ranking de pesquisas do Google, aumentando o número de acessos à página do seu consultório. 

4. Google Analytics (gratuito)

O Google Analytics é uma ferramenta ideal para monitorar os acessos em seu site, isto é, o número de pessoas que entram no site da clínica, os dias que tiveram mais acessos, quantas pessoas são novos usuários e quantas estão retornando, entre outros dados. 

O Analytics ainda permite a mensuração de resultados obtidos com os anúncios do Google Ads. Com essas informações, o gestor pode analisar quais páginas do site e quais conteúdos do blog são mais acessados e, assim, aprimorar suas estratégias de marketing digital.

5. Canva (possui versões gratuita e paga)

Para chamar a atenção do público de sua clínica, é essencial ter imagens visualmente atrativas em suas redes sociais. 

Uma ferramenta que facilita a criação de elementos gráficos é o site Canva, que  disponibiliza diversos modelos de postagens de redes sociais, imagens para blog e muito mais. 

A partir dos modelos, é possível modificá-los de acordo com a identidade visual da clínica e oferecer um conteúdo visualmente atrativo para seus pacientes.

6. Google Keyword Planner (gratuito)

Mais uma ferramenta do Google, o Keyword Planner disponibiliza os recursos necessários para que a sua clínica consiga planejar quais são as palavras-chaves mais indicadas para as estratégias de marketing digital. 

Com a palavra-chave certa, a divulgação e visualização da sua clínica no Google terá um desempenho melhor, que poderá reverter em novos pacientes.

7. WordPress (gratuito)

Sua clínica não possui um site? Isso pode ser resolvido facilmente com o WordPress, uma plataforma online que permite a criação de sites e blogs de forma intuitiva. 

Ele é totalmente gratuito, porém vale ressaltar que alguns plugins são pagos. Ainda assim, é possível criar um site visualmente atrativo e que marque a presença da sua clínica na web.

8. Wix (possui versões gratuita e paga)

O Wix é outra opção de ferramenta online para criar sites e blogs. Com uma interface super intuitiva, o Wix possui templates prontos e editáveis para facilitar a criação da página da sua clínica médica. 

Essa ferramenta ainda permite colocar plugins de contato, como abas de chat, para facilitar o contato do paciente com o consultório.

9. Hotjar (possui versões gratuita e paga)

Investir em marketing de relacionamento em sua clínica? | MedPlus

É sempre interessante acompanhar o tráfego do seu site: isto é, por quais páginas o seu público mais navega. Isso mostra quais são os interesses dele, para que você possa adaptar suas páginas e torná-las ainda mais atrativas. 

Além disso, as páginas menos visitadas também são parte do diagnóstico que determina o que não está chamando atenção e o que não está funcionando na sua estratégia.

O Hotjar é um aliado nesse aspecto, por apontar de forma clara e visual quais áreas do site da clínica são mais atrativas. Além disso, ele indica onde os visitantes passam mais tempo navegando, onde deixam mais cliques, entre outras informações importantes para um diagnóstico comunicacional completo. 

Esses dados são cruciais para o aprimoramento constante da comunicação da clínica, bem como para o planejamento de futuras estratégias de marketing.

10. CloudFlare (pago)

A princípio, o CloudFlare foi concebido para ser uma ferramenta de segurança para sites e redes internas. Mesmo assim, ele apresenta recursos interessantes de analytics para fornecer dados de acessos e desempenho do seu site.

11. Sweet Process (possui versões gratuita e paga)

Se sua clínica conta com um time de marketing que te auxilia na produção de conteúdos, essa é uma excelente ferramenta para se investir. Com ela, é possível acompanhar o trabalho da equipe de criação através de checklists, além de poder, dentro da própria plataforma, compartilhar textos, vídeos, entre outros.

12. Ubersuggest (pago)

Para os gestores que querem elevar o marketing de suas clínicas médicas ao próximo nível, o Ubersuggest pode ser um grande aliado. Essa ferramenta permite observar e analisar o mercado e quais estratégias estão sendo usadas por negócios concorrentes ao seu.

Além das estratégias de conteúdo, ele possibilita ver quais são as palavras-chave que estão gerando mais resultados nas pesquisas. Sendo assim, ele é uma ótima ferramenta para quem trabalha com Inbound Marketing, permitindo o acesso a informações importantes para começar o planejamento de uma nova campanha.

13. Flipsnack (possui versões gratuita e paga)

Quando o assunto é marketing de conteúdo, e-mail marketing e newsletter são sempre interessantes para manter o contato entre o paciente e a sua clínica. O Flipsnack é uma ferramenta online que oferece vários templates prontos para criação de conteúdos como newsletters e revistas digitais.

Com o Flipsnack você pode manter seu público engajado através de conteúdos informativos e interessantes para eles, como cuidados com a saúde na perspectiva da especialidade da sua clínica.

14. MailChimp (possui versões gratuita e paga)

O MailChimp é uma ferramenta voltada especificamente para planejamento e disparos de campanhas de e-mail marketing. A plataforma ainda possui uma área para a criação do e-mail, seu conteúdo e sua forma, sendo os layouts totalmente editáveis pelo criador.

Com a criação da campanha feita e o e-mail também, o próximo passo é importar a lista de emails que receberão as mensagens. 

O MailChimp também permite o acompanhamento dos dados de abertura e cliques dos e-mails, servindo para o aprimoramento das campanhas.

15. Leadlovers (pago)

Imagine poder desenvolver páginas da web para atrair mais pacientes, ou ser capaz de criar e comercializar materiais informativos, como eBooks, por exemplo, e ainda analisar os dados de desempenho da sua página, tudo de um só lugar. 

Esse é o Leadlovers, uma ferramenta brasileira projetada especialmente para quem trabalha com Inbound Marketing.

Além de tudo isso, o Leadlovers permite que o gestor acompanhe em detalhes a jornada do seu público pelo site até a hora do contato para se tornarem pacientes. Informações como essa também enriquecem o planejamento e a estratégia de marketing para sua clínica médica.

16. Marketing médico MedPlus (parte do seu sistema de gestão)

Com as ferramentas de marketing médico disponíveis no seu sistema de gestão médica MedPlus, você pode fortalecer muito mais o relacionamento com seus pacientes diretamente pelo software.

Essa ferramenta potencializa o marketing de relacionamento, com a possibilidade de lembrar seus pacientes do horário das consultas e manter o contato com eles no pós-atendimento. Tudo isso graças ao envio de e-mails e SMS pelo sistema.

Também é possível realizar a segmentação de pacientes e a visualização de oportunidades, de forma integrada com o sistema MedPlus.

Quais outras possibilidades tenho para fazer marketing médico?

Como fica a telemedicina com os planos de saúde? | MedPlus

Atualmente, as possibilidades de se fazer marketing são praticamente infinitas. Além das ferramentas desenvolvidas especialmente para isso, temos uma série de opções menos óbvias, mas também eficientes, principalmente no que se refere às redes sociais. O TikTok, por exemplo, e os Reels no Instagram, estão começando a ser usados para outros fins além de entretenimento.

Há várias ocorrências de médicos e profissionais da área da saúde, geralmente que atendem pacientes mais jovens, utilizando dessas ferramentas para atingir e conversar com seu público-alvo, levando informações relevantes e educando dentro da sua especialidade médica.

Essa estratégia inusitada não deixa de ser um tipo de marketing de conteúdo. Apesar de não estar nos moldes padrão, o conteúdo postado serve para marcar presença do especialista no meio online, garantir engajamento e contribuir para construção de uma imagem sólida de autoridade da área.

Esse é o princípio do marketing de atração, ou Inbound Marketing, que tem como primeiro objetivo atrair a atenção das pessoas através de um material que agregue qualidade e valor. Os vídeos citados, por exemplo, por mais descontraídos que sejam, possuem valor do ponto de vista informativo e educacional.

Sendo assim, todas essas ferramentas abordadas ao longo do post são muito úteis para o planejamento, criação de conteúdo e análise de resultados do seu marketing médico. Mas é importante também não se limitar e observar tudo o que meio digital oferece como forma de comunicação, pois cada um desses canais tem seu próprio potencial a ser explorado.

A sua clínica já utiliza alguma das ferramentas citadas de marketing digital? Compartilhe com a gente a sua experiência!

E se quiser saber ainda mais sobre marketing médico, confira nosso eBook:

Suellen Bosse

Gerente de Marketing
Atualmente é Gerente de Marketing, com mais de 15 anos de experiência na área de comunicação e relacionamento, faz parte do time da Sponte há mais de 18 anos.